domingo, 30 de março de 2008

As frestas da minha janela são assim.
Estou tomada por uma desesperança.
Às vezes acho que o vilarejo, onde areja um vento bom, não existe.
Pelo menos, não pra mim.

7 comentários:

Morganna disse...

abre essa janela, deixa que o sol te veja. :D
amora.

Lia. disse...

se tu me vê, já é um bom sinal :)

Lidiane disse...

Mas existe, Lia.
Há de existir.

Dan disse...

"Pra alcamar o coração..."

Existe sim, só precisamos adentrá-lo com cuidado e de forma cautelosa, por que se não, torna-se um Cortiço bagunçado...

Cris* disse...

existe sim. olha por esse lindo rasgo em tua cortina.. tem uma maluca com nariz de palhaço te chamando, não tem? sou eu. vem!

bjinho

Lia. disse...

que linda que você é, cris.
beijinhos!

Sara disse...

As vezes a vida cansa , né?
Mas não vamos desanimar..não.
Bjs